hiato

eu sou uma espiral
feita de tantos giros
estarei eu proibida
enquanto quero, firo
fico dividida

posso ser duas, três
até perder as contas
conte-me quem sou
no final das contas
é pra onde vou

não me deixe louca
seja meu desespero
que de insanidade vivo
enquanto te espero
até sobrevivo

se isso então passar
deixe-me sozinha
ou me tome inteira
eu só sei ser minha
última e primeira

pois se for metade
não, não leve nada
o que tenho é meu
e na minha estrada
você se perdeu

2 comentários sobre “hiato

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s