escadaria

Tem uma palavra no silêncio
e um sorriso nessa lágrima
Tem uma chave na porta
e uma cortina na janela
Tem desastre nessa ordem
e catástrofe na minha paz
Tem desvio no percurso
e um demônio nesse anjo
Tem espinho nessa flor
e uma dor na cicatriz
Tem tatuagem na nudez
e uma lucidez nesse delírio
Tem uma voz no seu violão
e um refrão no samba
Tem uma razão no caos
e uma guerra travada no céu
Tem papel na sua tinta
e tem parede na ruína
Tem entulho na sala de estar
e um lençol no meu chão
Tem uma tirania no olhar
e uma submissão no beijo
Tem cachoeira no deserto
e muita areia na sua chuva
Tem arroz na sobremesa
e uma pimenta no recheio
Tem um freio na subida
e acelerador no abismo
Tem partida na chegada
e um desdém nessa saudade
Tem um pecado no juízo
e uma solidão no seu amor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s